Jazz and Bossa Radio

Jazz and Bossa Radio
Jazz and Bossa Radio

domingo, 31 de mayo de 2009

Artista da Semana (maio 31 - junho 6) - Divyarup

Artista da semana - Divyarup



Divyarup has just completed his first album, Tempo de luz. A collection of original songs written by him and Manu Pontes,demonstrates his passion for music and experience gained from playing venues, festivals, clubs, bars in many countries including Brazil and London where he currently lives. The album contains 15 songs of brazilian music; samba, bossa nova, baiao, as well as funk and latin jazz.

The album was recorded in Brazil with great musicians: Sergio Bello on bass, guitar and acoustic guitar, Lael Medina on Drumms, Jonas Dantas on keyboard, Yamile Burich on saxophone and clarinet, Claudio Mineiro on percussion and Bocato on trombone. Madan was the musical director and Mauricio Grassmann the sound engineer.

Divyarup has been playing for 25 years and wrote his first composition when he was a teenager. Divyarup is currently working on his second cd called Caranguejada Eletronica. Its name is influenced by Chico Science and Lenine, a Brazilian musician from Pernambuco. He is now looking to be signed by a record company. ________________________________________________________________

Divyarup gravou o primeiro cd no Brasil com o titulo: Tempo de luz, o cd e uma mistura de musica brasileira (samba,bossa nova,baiao e igexa) e tambem tem influencias do funk e da musica latina (salsa) Como compositor ele demonstra a paixao que tem de compor,gravou 15 composicoes ineditas e ja esta trabalhando no segundo album que sera chamado caranguejada eletronica, este nome surgiu por ter se influenciado por Chico Science e Lenine.

O cd Tempo de luz teve participacoes de grandes musicos como Sergio Bello: violao,guitarra, baixo e arranjos,Lael Medina na Bateria, Jonas Dantas nos teclados,Yamile Burich no saxofone e clarinete, Claudio Mineiro na percussao e ainda o grande Bocato nos trombones. Na direcao o grande compositor Madan,que tambem cantou 2 composicoes:Divino silencio e reflexao, e na engenharia de som tivemos o genio Mauricio Grassmann que simplesmente entendia tudo e colaborou muito.

Divyarup tem se dedicado a musica por 25 anos e compos sua primeira cancao ainda na adolecencia sem saber o que era um acorde, ate hoje Divyarup ja compos 80 composicoes. Desde que mudou-se para Londres estudou muito com o guitarrista Manu Pontes, grande amigo que colaborou muito para que este trabalho se realizasse ,inclusive duas composicoes: Divino silencio e Sumiu sao da autoria de Manu Pontes.

Divyarup agora esta procurando uma gravadora ou uma distribuidora que possa dar continuidade neste trabalho unico e criativo. Suas influencias musicais comecaram ainda quando ele era crianca e viajava com a familia para o campo, la ele ouvia os sons dos passaros e das aguas, os sons da natureza influenciaram muito na sua vida pois aprendeu a ouvir e a partir dai comecou a compor. Suas influencias musicais variam entre a musica new age, musica classica, rock, jazz, MPB, musica instrumental, mas ai ele percebeu que a voz era um instrumento muito importante para a sua formacao musical e comecou a cantar.

Divyarup tambem participou de varios festivais no Brasil e na Inglaterra, tocou em bares na noite paulistana ,em Londres, Manchester, e ganhou muita experiencia por ter tocado varios estilos com musicos ecleticos que tocavam nos shows com ele. Quero agradecer todos os musicos e colegas que encontrei no meu caminho ,especialmente Manu Pontes, Sergio Bello e Madan. Muito obrigado a todos que colaboraram para que este cd se realizasse.



http://jazznbossa.ning.com/profile/Divyarup

viernes, 22 de mayo de 2009

Artista da Semana - Magos Herrera (maio 24 - 30)

Artista da Semana - Magos Herrera



- MAGOS HERRERA

Magos Herrera de profunda y cautivadora presencia escénica, es considerada como una de las voces más bellas de la escena contemporánea y una de las artistas más activas en el género de Jazz de Latinoamérica. Reconocida popularmente en México y Latinoamérica, la compositora e interprete mexicana, cuya elocuente improvisación vocal esta llena de fraseos latino-andaluces, Magos es conocida por su elegante forma de mezclar Jazz con melodías y ritmos latinoamericanos. Fluida en español, portugués e ingles, su repertorio esta lleno de romance, intimidad y encanto.

Su carrera comenzó en Italia en 1988 cuando decide involucrarse profesionalmente en la música para graduarse del “Musicians Institute” en Los Ángeles. Por 12 años Magos se ha presentado en festivales internacionales y centros culturales como “Lincoln Center”, Winter Jazz Fest en Knitting Factory y Jazz Standard en Nueva York, “Millenium Park” en Chicago, Teatro de la Ciudad y Lunario en Ciudad de México, Festival de Jazz de Montreal, Festival internacional de Jazz Ribiera Maya y Sala Galileo Galilei en Madrid, entre muchos otros.

Ha grabado 5 producciones discográficas incluyendo “Cajuina”, “Orquídeas Susurrantes,” “País Maravilla”, “Todo Puede Inspirar” y ”Soliluna” y 2 compilaciones internacionales en Brasil y Japón, y formó parte de las aclamadas series discográficas “Mexican Divas”, ha sido nominada par las “lunas del Auditorio nacional en México en 2006 como mejor espectáculo de Jazz junto con Bobby McFerrin y Bill Frisell.

Durante los últimos 4 años por su proactivo amor a la música produjo y fue anfitriona de 2 programas musicales de televisión en México para canal 22 donde tuvo invitados nacionales e internacionales como Ute Lemper, Jerry González, Diego el Cigala, Francisco Céspedes, Arturo Ofarril, entre otros.

Desde 2007, con base en la ciudad de Nueva York, Magos ha grabado con Tim Ries para “The Rolling Stones Jazz Project II” y con la compositora contemporánea Paola Prestini para “VIA Project.”

En primavera del 2009 Magos lanza su nueva producción discográfica “Distancia”/ Sunnyside Records, producida por Tim Ries, acompañada de un inigualable cuarteto que incluye al guitarrista Lionel Loueke, el pianista Aaron Goldberg, el contrabajista Ricky Rodríguez y el baterista Alex Kautz.

Este álbum muestra una nueva perspectiva para el jazz vocal latinoamericano.

http://www.magosherrera.com/
http://jazznbossa.ning.com/profile/magosherrera

martes, 19 de mayo de 2009

Artista da Semana (maio 17 - 23) MAyR

Artista da Semana - MAyR



MAyR compositor , cantor, pianista e violonista. Estudou Desde cedo com professores e artistas renomados no Brazil. Como: Jane Duboc, Nanci Miranda, Zimbo Trio.... Participou de vários Festivais de Música, sempre se destacando como interprete e compositor. Foi Bolsista de vários Festivais de Invernos no Brazil e na Europa.

Formado em Artes e Música desenvolve um trabalho didático com piano voz e violão.
Já lançou dois cds. O primeiro com o título "DIVÃ", onde interpreta composições próprias. Fez apresntações em vários espaços alternativos musicais. O segundo cd " NÃO VÁ" onde também interpreta composições próprias e com parcerias. Tem um trabalho musical voltado para a BOSSA NOVA e o JAZZ. Atualmente vem divulgando seu cd "NÃO VÁ" com seu trio : piano voz/baixo/percussão fazendo apresentações em espaços culturais.

contátos
www.myspace.com/mayrgemelly
http://jazznbossa.ning.com/profile/MAyR

sábado, 9 de mayo de 2009

Artista da Semana (maio 10 - 16) Paulo Dorfman

Artista da Semana - Paulo Dorfman



paulo dorfmann

Nascido em porto alegre, é formado pela universidade federal em regencia.
estudou piano com Luiz Eça.

E compositor, arranjador e professor da faculdade de música do IPA/poa;.
tem divulgação boa na Austria, Alemanha e Portugal.

Suas composições tem sido gravadas por vários artistas gaúchos.



Encontre mais músicas como esta em Jazz and Bossa

http://jazznbossa.ning.com/profile/paulodorfmann

sábado, 2 de mayo de 2009

Artista da Semana (maio 2 - 9) - Lorna Earnshaw

Artista da Semana - Lorna Earnshaw



http://jazznbossa.ning.com/profile/LornaEarnshaw

Descendente de ingleses, Lorna Earnshaw nasceu na província de Buenos Aires, Argentina. Desde a infância foi incentivada pela sua família, e principalmente pela sua avó, a desenvolver as suas inquietudes artísticas. Os seus jogos sempre se relacionaram com as canções e diferentes instrumentos, como a flauta e o violão. As aulas de ballet clássico e dança típica argentina motivaram, assim, o seu sonho de se converter em bailarina.

Com 10 anos de idade começou a estudar violão erudito e dança jazz, se apresentando em teatros e na televisão com a sua professora, Margarita Fernández. Sempre cantando, cursou o segundo grau com um grande interesse pela escrita e pela literatura.

Em 1993 ingressou na carreira de violão erudito no Conservatório Nacional de Música Carlos López Bouchardo, onde Lorna construiu uma sólida base de conhecimentos com grandes maestros como a compositora Silvia Goldberg e os violonistas Aragón Luna e Walter Ujaldón.

Enquanto cursava no Conservatório, ela experimentou a Composição de Música Eletroacústica nas aulas de Goldberg ao mesmo tempo em que aprendia guitarra e se reunia com colegas músicos para tocar em grupos de diferentes estilos. Cursos de canto melhoravam, também, as suas performances vocais.

Paralelamente aos seus estudos musicais, Lorna completou a carreira de jornalismo na faculdade TEA (Taller, Escuela, Agencia), e depois de formada trabalhou para diferentes jornais e revistas de Buenos Aires. Decidiu, no entanto, abandoar a carreira jornalística para se dedicar completamente à arte.
Sem se contentar com os conhecimentos adquiridos até o momento, em 1997 Lorna começou a fazer aulas de piano estilo jazz com Adrián Iaies (nominado duas vezes ao Grammy Latino nas categorias de melhor disco de jazz (2000) e de tango (2001), e Ganhador do Prémio Konex, 2005).

Através do piano, um novo horizonte com mais liberdade e improvisos levou-a, então, a se reunir com outros estudantes e formar bandas, nas quais ela também cantava. Assim começou a se apresentar no cenário de Buenos Aires, ao mesmo tempo em que realizou trabalhos como vocalista para o músico Rubén Goldín (Professor da Academia cola-cola – a versão argentina do programa brasileiro Fama,.).

Estudou canto estilo blues e jazz com Déborah Dixon (do grupo Blacanblús) até que conheceu a cantora Liliana Parafioriti (Lês Miserables, dirigida por Cameron Makintosh em Buenos Aires e DF mexicano), quem deu um verdadeiro giro na vida artística de Lorna.

Lorna participou na produção e gravação de bandas da Argentina, Paraná e Rio Grande do Sul e colaborou com profissionais brasileiros da área como Moogie Canazio (produtor de Caetano Veloso, Sandy e Junior e Maria Bethania e ganhador do Grammy pelo trabalho com Ivan Lins).

Em Setembro de 2007 gravou junto á Orquestra Sinfônica de Caxias do Sul (OSUCS) e com a regência do maestro Manfredo Schmidt, o seu primeiro CD e DVD ao vivo, interpretando músicas de sua autoria arranjadas para orquestra sinfônica por Alexandre Ostrovsky.

Em 2008 participou como jurado na seleção de participantes do programa “Idolos”realizada em Porto Alegre.

O treino profissional a definiu como uma cantora com um forte estilo pessoal que combina recursos da música americana (soul, black music e jazz), com as suas raízes latinas. Desde sua chegada no Brasil, ela tem apresentado shows de jazz, ministra aulas de canto, workshops e Master Class em diversas instituições importantes de ensino musical, além de trabalhar como produtora musical.
Atualmente ministra aulas de técnica vocal para mais de 40 alunos em Rio Grande do Sul e Curitiba, realiza a produção vocal de bandas de rock e pop da cena do sul do Brasil.

Em Junho de 2009 será lançado o site www.lorna-e.com apresentando o projeto de música própria de Lorna, composto, arranjado e produzido por ela mesma.



Encontre mais músicas como esta em Jazz and Bossa